tecnologia educacional
6 jul 2016

O uso da tecnologia na educação

Nos dias de hoje, as tecnologias têm sido alvo de estudos em todos os âmbitos da sociedade. Na educação não é diferente. Perguntas como “Será que a tecnologia é capaz de oportunizar aprendizagens?” e “De que maneira ela pode gerar desenvolvimento no campo da educação?” são feitas constantemente. Sabemos que as tecnologias podem sofrer mudanças. Porém, precisamos refletir sobre seus limites e possibilidades aplicadas principalmente à educação.

Mas, para compreender como fazer a tecnologia ficar a serviço da educação, primeiro é preciso compreender que tecnologia não é feita somente de equipamentos digitais. Claro que estes são hoje o grande foco de estudos e pesquisas, bem como possibilidades.

Mas o que é a tecnologia? Como podemos defini-la?

Podemos compreender a tecnologia em dois grandes grupos:

  • Tecnologia de Informação: toda forma de gerar e reproduzir a informação: papel, arquivo, fichários, fitas magnéticas, fax, telefone, jornal, correio, televisão, computadores, máquina de fotocopiar, retroprojetor, projetor de slides…
  • Tecnologia de Comunicação: toda forma de veicular informação, incluindo as mídias mais tradicionais, ou não, como pergaminhos, tambores na selva, livros, revistas, rádio, TV, vídeo, redes de computadores…
  • Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação: São tecnologias que têm o computador e a internet como instrumentos principais e se diferenciam das Tecnologias de Informação e Comunicação pela presença digital.

Perceba que tecnologia não é apenas instrumento, ferramenta ou equipamento tangível, que pode ser tocado e apalpado. Para alguns pesquisadores, como Brito e Purificação, as tecnologias podem ser classificadas em três grandes grupos:

Físicas – são as inovações de instrumentais físicos, tais como: caneta esferográfica, livro, telefone, aparelho celular, satélites, computadores, tablets e outros;

Organizadoras – são as formas como nos relacionamos com o mundo e como os diversos sistemas produtivos estão organizados;

Simbólicas – estão relacionadas com a forma de comunicação entre as pessoas, desde o modo como estão estruturados os idiomas escritos e falados até como as pessoas se comunicam.

Sendo assim, a tecnologia pode ser considerada um processo contínuo por meio do qual a humanidade molda, modifica e gera a sua qualidade de vida.

Pensando nessas definições é possível compreender que a tecnologia deve ter como objetivo melhorar a vida das pessoas, ou seja, otimizar a vida diária. Neste sentido, no campo educacional as ferramentas tecnológicas, quando bem utilizadas, podem contribuir de maneira significativa com a construção de novos conhecimentos. Mas é preciso extrair o que há de melhor delas, uma vez que a contribuição não está na ferramenta, mas sim no uso que, enquanto professor, eu faço delas e a prática que proporciono aos alunos.

Conheça o curso de Pedagogia em EaD

Diploma igual ao presencial
QUERO CONHECER

Deixe um comentário